segunda-feira, Janeiro 16, 2006

DESPORTO E COMUNICAÇÃO SOCIAL DESPORTIVA

É incrível o número de jornais, revistas, programas telivisivos e radiofónicos que existem sobre futebol.
Como sabemos todos eles vivem e sobrevivem praticamente à custa dos 3 (supostamente) grandes do futebol português.
Então se é assim, porque raio estão sempre a falar mal deles e a desacreditar o fenómeno que vos dá o pão para a boca?
Não se compreende.
Só falam de polémicas, erros e roubos, escândalos e esquemas.
Sejam espertos.
Não pensem só no curto prazo (números de exemplares vendidos), pensem no médio e longo prazo (não fecharem as portas).
Um exemplo é o jornal O Jogo, que era especializado em outras modalidades que não o futebol, sendo assim o primeiro para muita gente, mas preferiu aderir ao mais do mesmo e agora é o terceiro do futebol.
E depois ainda devem pensar que é tudo tolo.
Toda a gente já percebeu que quando estamos numa maré baixa de notícias verdadeiras, vocês inventam 50 mil reforços para estes e para aqueles.
Basta ver o ainda quente caso com Sven Goran Erickson e o jornalista disfarçado de Ricalhaço Árabe.
Tenham Visão!!!

1 Comments:

At 9:27 da tarde, Blogger MM said...

Querias tu dizer,
Comunicação social futebolística, o resto é só para encher os pequenos espaços vazios das últimas páginas.

Marco Moreira

 

Enviar um comentário

<< Home